Meio-campista espanhol evitou polêmicas com a lenda brasileira, mas reafirmou seus elogios ao ex-companheiro de Barcelona

Por
Da redação

access_time

11 dez 2018, 15h59

O meia espanhol Andrés Iniesta retornou à Catalunha esta semana, em suas férias após um primeiro semestre de sucesso no futebol japonês, e saiu em defesa de seu ex-colega de Barcelona, Lionel Messi, na polêmica armada por Pelé, na última semana. O ex-jogador brasileiro disse se considerar o melhor jogador da história e que não vê o argentino como um jogador completo – opiniões não compartilhadas por Iniesta.

“Não tenho que rebater as opiniões do Pelé, mas para mim o Leo é o melhor jogador da história. Tem todos os registros, fez gols de perna direita, esquerda, dribles. Nunca se viu ninguém que faça o que ele faz em campo; e Messi não o fez por um ano, está fazendo isso há 15 anos e a cada ano se supera e cada vez nos deixa com menos adjetivos”, afirmou o jogador de 34 anos, durante entrevista coletiva na Espanha.

Iniesta seguiu elogiando Messi, mas evitou dizer o croata Luka Modric, do Real Madrid, não mereceu os prêmios individuais que ganhou em 2018. “Não vejo o quinto lugar na Bola de Ouro como um insulto a Messi. Para mim, ele é o melhor, mas para quem votou não, e cada um tem um gosto. Este ano ganhou Modric e seria muito feio da minha parte dizer que foi injusto pela temporada que ele fez e os títulos que ganhou.”

A polêmica armada por Pelé

Na semana passada, em entrevista ao jornal Folha de S. Paulo, Pelé ironizou aqueles que consideram Messi o melhor jogador de todos os tempos. “Questão de gosto. Há pessoas que acham isso (…) Como pode comparar um cara que cabeceia bem, chuta com a esquerda, chuta com a direita, com outro que só chuta com uma perna, só tem uma habilidade, não cabeceia bem? Como pode comparar? Para comparar com o Pelé tinha de ser alguém que chutasse bem com a esquerda, chutasse bem com a direita, fizesse gol de cabeça…” 

As declarações ecoaram na Europa, sobretudo depois de Messi marcar belos gols de falta no último fim de semana, no clássico catalão contra o Espanyol. Personalidades do futebol e diversas publicações saíram em defesa do argentino. Jordi Alba, lateral, do Barcelona, disse que “Pelé não está enxergando bem se disse o que disse”. O jornal Mundo Deportivo destacou em sua manchete o “recital do Rei Messi a Pelé”, enquanto o diário As destacou que “Messi zomba de Pelé e da Bola de Ouro.”

Fonte: Rede Canal

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here