Cantor, que virou alvo depois de fazer comentário considerado transfóbico sobre Luisa Marilac, diz que não é ‘momento de celebração, mas de reflexão’

Por
Redação

access_time

23 jan 2019, 17h34 – Publicado em 23 jan 2019, 17h27

Após ser criticado nas redes sociais e vaiado em um evento de Anitta, Nego do Borel decidiu adiar a gravação de seu próximo DVD, marcada para a próxima terça-feira 29. O anúncio foi feito nesta quarta-feira, 23, pela assessoria de imprensa de sua gravadora, a Sony Music. “Em respeito às pessoas que feriu e à toda a comunidade LGBTQ+, o cantor irá adiar o projeto”, diz a nota. “Não se trata de um momento de celebração, mas de reflexão e respeito. A data de 29 de janeiro também convida a todos para um momento de atenção especial, por se tratar do Dia Nacional da Visibilidade Trans.”

Nego do Borel passou a ser criticado por causa do comentário considerado transfóbico que ele fez sobre a travesti Luisa Marilac no último dia 12, quando a chamou de “homem gato”. No Instagram, Luisa, que se tornou conhecida em 2013 com um vídeo em que aparecia tomando “bons drinks”, havia comentado uma foto de Nego do Borel, dizendo que ele estava “mais gato” a cada dia. O cantor respondeu: “Você é um homem gato também, parabéns. Deve estar cheio de gatas!”. Luisa afirmou em seguida que tinha ficado “passada” com o comentário.

Nego do Borel se desculpou duas vezes. A primeira após a troca de mensagens com Luisa e a segunda nesta semana, depois de ser vaiado no ensaio do Bloco das Poderosas, de Anitta. Nesta terça-feira 22, Luisa Marilac afirmou que havia desculpado o cantor e pediu para que as pessoas parassem de “crucificar” o rapaz.

Após a controvérsia, cantoras como Luisa Sonza e Ludmilla, que tinham aceitado gravar o DVD junto com Nego do Borel, cancelaram sua participação.



Fonte: Rede Canal

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here