Petista voltou a criticar o atual presidente: “Bolsonaro não consegue cuidar do filho e quer se meter no país alheio”

Por
EFE

access_time

24 jan 2019, 23h50

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva se mostrou crítico nesta quinta-feira (24) à postura do governo de Jair Bolsonaro de reconhecer Juan Guaidó, presidente da Assembleia Legislativa da Venezuela, como o chefe de Estado em exercício do país vizinho.

“Qual é a moral desse governo que prendeu seu maior adversário, fraudou a eleição em um processo de WhattsApp pago com caixa 2, qual é a moral que ele tem pra falar do governo da Venezuela?”, questionou Lula ao receber a visita da presidente do PT, a deputada federal Gleisi Hoffmann, e do vice-presidente do partido, Márcio Macêdo.

Segundo as redes sociais de Lula e do PT, os três conversaram sobre a situação na Venezuela e sobre a postura do atual governo com relação ao país vizinho.

“Bolsonaro não consegue cuidar do filho e quer se meter no país alheio”, criticou Lula durante o encontro.

O ex-presidente se referiu às suspeitas que pesam sobre o primogênito do presidente, Flavio Bolsonaro, depois que o Conselho de Controle de Atividades Financeiras (COAF) detectou depósitos “atípicos” em uma das suas contas.



Fonte: Rede Canal

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here