O ditador Nicolás Maduro afirma que a Venezuela tem 80 toneladas de ouro depositadas na Inglaterra.

O ditador da Venezuela, Nicolás Maduro, assegurou que as reservas de ouro que seu país tem depositadas na Inglaterra chegam a 80 toneladas.

Segundo entrevista à BBC exibida nesta terça-feira (12), o líder do regime chavista acredita que as mesmas não serão confiscadas.

Maduro afirmou:

“Na Inglaterra pode haver mais de 80 toneladas de um ouro legalmente venezuelano, pertencente ao Banco Central da Venezuela.”

E, segundo a ISTOÉ, acrescentou:

“Espero que a legalidade internacional e o Banco Central da Venezuela sejam respeitados. Espero que a justiça prevaleça e que a Venezuela não seja expropriada de algo que lhe pertence.”

Com sérios problemas de liquidez agravados pelo colapso da produção de petróleo e sanções americanas, o regime venezuelano vem tentando repatriar suas reservas internacionais de ouro em Londres, mas está enfrentando dificuldades.

O opositor Juan Guaidó pediu ao governo britânico para interceder junto ao Banco da Inglaterra para que não devolva a Maduro ouro e outros ativos que Caracas tem depositados.

Guaidó é reconhecido como presidente interino por cerca de 50 governos, incluindo pelo da primeira-ministra britânica Theresa May.

Fonte: Rede Canal

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here