População da Venezuela joga pedras contra a Guarda Nacional Bolivariana (GNB) de Nicolás Maduro, que responde com bombas de gás lacrimogêneo.

O exército da Venezuela entrou em confronto com manifestantes na fronteira com o Brasil na região de Pacaraima, no estado de Roraima, na tarde deste domingo (24).

Os venezuelanos jogam pedras contra os militares, que revida com bomba de gás lacrimogêneo. Não há confirmação se a guarda nacional usa balas de borracha ou de outro material.

Militares das Forças Armadas do Brasil no local, ainda dentro do território brasileiro, orientam os venezuelanos a saírem da área de confronto.

No último sábado (23), o coronel do Exército, José Jacaúna, comandante da Operação Acolhida, afirmou que membros da Guarda Nacional Bolivariana (GNB) dispararam contra manifestantes em território brasileiro.

“Foi um episódio lamentável. Eu nunca tinha visto nenhum exército de outro país jogar bomba de gás lacrimogêneo dentro do Brasil. Vi soldados desta Guarda Nacional Bolivariana (GNB) disparando tiro real aqui do nosso lado”, declarou Jacaúna, segundo informações da RENOVA.

Fonte: Rede Canal

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here