O regime comunista da China pediu nesta quarta-feira (13) para as instituições financeiras continuarem aumentando os empréstimos para pequenas empresas e reduzindo ainda mais os custos de financiamento.

A medida é uma das formas encontradas pela autoridades para evitar a desaceleração da economia da China.

Os bancos devem trabalhar duro para atingir metas de aumento dos empréstimos para pequenas empresas e manter os juros em um nível razoável, informou a Comissão Reguladora de Bancos e Seguros da China.

A Comissão afirmou que os grandes bancos comerciais estatais devem aumentar os empréstimos para pequenas empresas em mais de 30% em 2019.

O órgão acrescentou que também vai aumentar sua tolerância para empréstimos inadimplentes de empresas menores, informa a agência Reuters.

O órgão regulador reiterou sua exigência de que os bancos estatais busquem um aumento mais rápido dos empréstimos para pequenas empresas, já que o crescimento econômico desacelerou para o nível mais fraco em quase três décadas em 2018.

Fonte: Rede Canal

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here