Fortes temporais atingiram a capital e o Grande ABC entre o domingo e a terça-feira

Por
Diego Freire

access_time

15 mar 2019, 04h51

Subiu para 14 o número de mortes por conta das enchentes que atingiram a Grande São Paulo no início da semana. Nesta quinta-feira 14, uma equipe de Bombeiros localizou o corpo de Cristiane Curintima, de 39 anos, que estava desaparecida desde terça-feira.

A mulher foi localizada sem vida em uma área próxima ao Parque Ecológico do Tietê, em Cangaíba, na Zona Leste de São Paulo.

Fortes chuvas atingiram a capital paulista e o Grande ABC entre a noite de domingo e a terça-feira. As mortes ocorreram por conta de afogamentos e deslizamentos que derrubaram casas.

As tempestades causaram diversos transtornos na cidade, como interrupção na circulação de trens da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM), quedas de árvores e enchentes. Na madrugada de segunda-feira, toda a cidade de São Paulo esteve em estado de atenção para alagamentos, de acordo com o Centro de Gerenciamento de Emergências (CGE) – com pontos em situação mais grave e em estado de alerta, como a subprefeitura do Ipiranga e a marginal Tietê.

Por conta dos incidentes, o prefeito de São Paulo, Bruno Covas (PSDB), interrompeu uma licença de uma semana afastado do cargo. No Grande ABC, pontos de alagamento perduraram por mais de um dia e a prefeitura de São Bernardo do Campo chegou a decretar estado de calamidade pública.



Fonte: Rede Canal

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here