Água e fogo

Por
Mauricio Lima

access_time

16 mar 2019, 14h00

A sugestão para que Bruno Covas interrompesse sua licença e voltasse correndo a São Paulo foi de João Doria. “Vem que a coisa está feia”. Doria, aliás, teve uma semana intensa. Meteu o pé na lama com as chuvas de segunda. Na quarta, fez plantão na escola onde as crianças foram assassinadas.



Fonte: Rede Canal

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here