Time eliminado pelo Corinthians na Copa Sul-Americana empatou com o Tigre neste domingo e levou o troféu pela terceira vez neste século

Por
EFE

access_time

1 abr 2019, 10h37 – Publicado em 1 abr 2019, 09h20

O Racing conquistou neste domingo 31 seu 18° título do Campeonato Argentino ao empatar com o Tigre em 1 a 1, no estádio Monumental Victoria, pela 24ª e penúltima rodada da competição. Com 56 pontos, a equipe manteve a vantagem de quatro sobre o vice-líder Defensa y Justicia, que também empatou por 1 a 1 com o Unión de Santa Fe, e garantiu o título antecipado.

Os atletas do Racing foram até o Obelisco, ponto turístico no centro de Buenos Aires, e celebraram a conquista com milhares de torcedores madrugada adentro.

O time da província de Avellaneda, na grande Buenos Aires é o terceiro maior vencedor do país, atrás de Boca Juniors (33) e River Plate (36 títulos). Esse foi o terceiro título nacional do Racing neste século. Em todas, teve participação do ídolo Diego Milito: em 2001 e 2014 como jogador e em 2019 como dirigente.

Liderando o torneio quase de ponta a ponta, o Racing se sagrou campeão com 17 vitórias, cinco empates e apenas duas derrotas. O time comandado por Eduardo Coudet tem o melhor ataque da Superliga, com 42 gols anotados, e a defesa menos vazada, com 15 gols tomados.

Os gols da partida deste domingo saíram somente na etapa final. Augusto Solari fez 1 a 0 para os visitantes, aos 12 minutos. Já nos acréscimos, aos 49, Lucas Rodríguez empatou para o Tigre, mas não estragou a festa do Racing.

Além do título, o Racing garantiu vaga na Copa Libertadores de 2020. Defensa y Justicia e Boca Juniors também conseguiram vaga para o torneio sul-americano. River Plate e Atlético Tucumán ainda definem o quatro representante classificado na última rodada.

Sem alcançar classificação para a Libertadores deste ano, o clube disputou a Copa Sul-Americana, mas foi eliminada logo na primeira rodada, para o Corinthians, nos pênaltis, após dois empates por 1 a 1.

Crânio é amuleto do título

Na comemoração, torcedores do Racing foram até o centro de Buenos Aires comemorar a conquista. O momento mais curioso da noite aconteceu durante a transmissão da festa pelo canal TNT Sports, em que o repórter entrevistou um torcedor que estava com um crânio na mão, que afirmava ser de seu avô, também torcedor do Racing. “Meu avô está orgulhoso”, garantiu o dono do “amuleto”.

Confira os dez primeiros colocados do Campeonato Argentino

Pos. Equipe Pontos Jogos  Vitórias Situação
Racing 56 24 17 Campeão e vaga na Libertadores garantida
Defensa y Justicia 52 24 15 Vaga na Libertadores garantida
Boca Juniors 50 24 15 Vaga na Libertadores garantida
River Plate 45 24 13 No último posto que classifica para a Libertadores
Atlético Tucumán 42 24 12 Vaga na Copa Sul-Americana garantida; ainda disputa vaga na Libertadores
Vélez Sarsfield 37 24 10 Vaga na Sul-Americana garantida
Independiente 35 24 9 Na zona de classificação para a Sul-Americana
Unión Santa Fe 35 24 9 Na zona de classificação para a Sul-Americana
Lanús 34 24 9 Na zona de classificação para a Sul-Americana
10° Talleres de Córdoba 33 24 9 Fora da zona de classificação, mas ainda disputa vaga na Sul-Americana

 

Fonte: Rede Canal

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here