Confrontos foram registrados no Leme, na zona sul do Rio de Janeiro, horas antes da partida em que a equipe uruguaia derrotou a carioca pela Libertadores

Por
Da Redação

access_time

4 abr 2019, 00h31 – Publicado em 4 abr 2019, 00h29

Torcedores de Peñarol e Flamengo se envolveram em uma briga no fim da tarde desta quarta-feira, no Leme, na zona sul do Rio. Horas antes da partida em que o clube uruguaio derrotou o time carioca por 1 a 0, no Maracanã, pela Copa Libertadores, houve um confronto no calçadão do bairro, com agressões, depredações de ônibus e a detenção de dezenas de uruguaios.

A Polícia Militar comunicou que deteve ocupantes de dois ônibus vindos do Uruguai e os conduzirá ao Juizado Especial Criminal, Segundo informações da rádio CBN, Roberto Almeida, um torcedor flamenguista de 60 anos, foi espancado nos confrontos e está internado em estado grave no Hospital Miguel Couto, na Gávea.

A aglomeração de seguidores do Peñarol era grande no Leme pela tarde já que a delegação do clube estava hospedada no bairro. Os torcedores do Peñarol e do Flamengo entraram em conflito, que foi registrado por internautas e moradores da região e publicados nas redes sociais. Algumas imagens mostraram um torcedor deitado no chão e agredido por vários homens, além de registros de vandalismo contra ônibus que passavam pela rua.

Para a partida no Maracanã, a diretoria do Flamengo reservou 2 mil ingressos para a torcida visitante. Em campo, o clube uruguaio venceu a partida por 1 a 0, com gol de Lucas Viatri, e assumiu a liderança do Grupo D da Libertadores.

(Com Estadão Conteúdo)



Fonte: Rede Canal

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here