A situação atual é bem diferente da registrada no mesmo período de 2018, quando ocorreram 43 invasões de propriedades.

Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra) registrou só uma ocupação de terra no Brasil durante os primeiros cem dias de governo do presidente Jair Bolsonaro.

O discurso de Bolsonaro pela criminalização dos grupos de extrema esquerda que invadem propriedades privadas tem reduzido drasticamente as iniciativas de ocupação de terra.

O movimento de invasões está mais fraco também pela falta de financiamento do setor público, feito por meio de convênios, de entidades e organizações não governamentais, algo que não ocorria nos governos do Partido dos Trabalhadores (PT).

Os sem-terra, por exemplo, nem sequer aparecem nos relatórios da Agência Brasileira de Inteligência (Abin). Os dados são usados pelo governo para antever protestos, informa o Estadão.

Fonte: Rede Canal

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here