A informação foi confirmada pela assessoria do órgão na noite desta terça, dia 11 de junho.

O presidente da Fundação Nacional do Índio (Funai), general Franklimberg Ribeiro de Freitas, foi exonerado do cargo nesta terça-feira (11).

Atualmente, a estrutura do órgão é comandada pela pasta da ministra Damares Alves, mas deve ser devolvida ao ministério do ex-juiz Sergio Moro por decisão do Congresso Nacional.

Em um breve comunicado, o Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos agradeceu “o trabalho de excelência” exercido por Freitas no comando da fundação responsável pelas políticas de proteção aos índios, mas não explicou o motivo da demissão.

O general Fernando Melo deverá ser nomeado, de forma interina, em seu lugar. Atualmente, ele ocupa o cargo de assessor da Presidência, com funções semelhantes a de um secretário-executivo.

O general Franklimberg foi nomeado em janeiro pelo presidente da República, Jair Bolsonaro, após ter dirigido o órgão entre 2017 e 2018.

Fonte: Rede Canal

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here