Em reunião com a bancada evangélica, Bolsonaro afirmou que objetivo da iniciativa é “fazer com que o estado possa prosseguir”.

O presidente da República, Jair Bolsonaro, afirmou, nesta quinta-feira (11), que tem discutido com governadores do Brasil a revisão de unidades de preservação ambiental.

Em café da manhã com a bancada evangélica, no Palácio do Planalto, o chefe do Executivo citou como exemplo a estação ecológica de Tamoios, na região de Angra dos Reis, no Estado do Rio de Janeiro.

O plano do Palácio do Planalto é transformá-la em um balneário turístico, como Cancún, no México.

Segundo o jornal Folha, Bolsonaro declarou:

“No Rio de Janeiro, a gente quer, com dinheiro de fora, transformar a baia de Angra dos Reis em uma Cancún. Mas o decreto que demarcou a estação ecológica só pode ser derrubado por uma lei.”

O presidente relatou ter conversado sobre o assunto com os governadores do Goiás, Ronaldo Caiado, e do Pará, Helder Barbalho:

“Nós estamos conversando com vários outros governadores no sentido de nos unirmos e desmarcar muita coisa que foi feita por decreto no passado para poder fazer com que o estado possa prosseguir.”

Fonte: Rede Canal

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here