O ministro de Minas e Energia afirmou não ter oposição à desestatização da Eletrobras em meio à capitalização.

O governo do presidente Jair Bolsonaro deve arrecadar cerca de R$ 18 bilhões com o processo de capitalização da Eletrobras, que irá desestatizar a companhia, ao diluir a participação estatal na empresa a uma posição minoritária.

A informação foi confirmada pelo ministro de Minas e Energia, Bento Albuquerque, durante entrevista à GloboNews, nesta quarta-feira (10).

Os recursos serão obtidos por meio da emissão de novas ações da companhia, que poderá movimentar entre R$ 30 bilhões e R$ 36 bilhões no total, informa a revista Forbes.

De acordo com o ministro, parte dos valores serão destinados a pagar um bônus de outorga à União em troca da renovação em condições mais favoráveis de concessões da companhia.

Ainda dura a entrevista, o almirante Albuquerque afirmou que o modelo de capitalização da estatal deverá ser levado ao presidente Bolsonaro para uma decisão final em até duas semanas:

“Esse modelo nós estamos ainda finalizando. Eu e o ministro Paulo Guedes pretendemos apresentar isso para o presidente Bolsonaro na próxima semana ou na outra, para que ele aprove o modelo que vai ser encaminhado ao Congresso Nacional para apreciação.”

Fonte: Rede Canal

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here